Coleções

The New Brazilian University. A busca por resultados comercializáveis: para quem?

Sumário

Prefácio

Dermeval Saviani

A trajetória da produção do manuscrito

 

Introdução

As tendências da universidade estatal no Brasil em face das influências dos Estados Unidos da América

 

I - O capitalismo acadêmico na UFMG

1.1- Uma Visada Histórica

1.2 - Reforma da UFMG – 1967

1.3 - Política de Integração

Um conceito de Universidade

Plano de Organização

As relações políticas que sustentavam a cultura científica da UFMG

1.4 - Políticas Públicas de Apoio à Ciência, à Tecnologia e à Inovação em Minas Gerais: a história de Minas Gerais permeia a nova institucionalidade da UFMG.

1.5 - A Política da UFMG: pós-graduação e produção de conhecimento

1.6 - A Expansão e a Internacionalização do PPGE-UFMG

1.7 - Programa de Pós-Graduação em Educação da UFMG

1.8 - Dois mandatos importantes para o entendimento das relações da UFMG com Brasília

1.9 Continuando a busca do entendimento da política de pós-graduação

1.10 – A Educação a Distância na Universidade Federal de Minas Gerais

Finalizando o começo

 

II - Elementos sobre uma teoria do capitalismo acadêmico e a nova economia

2.1- Elementos Históricos

2.2 - O conhecimento como matéria-prima

2.3 - Mudanças na cultura institucional das universidades

2.4 - Trabalhadores Qualificados e Consumidores de Tecnologia mais experientes e exigentes

2.5 - Circuitos de Conhecimento

2.6 - Comentários sobre a conjuntura mais recente da universidade americana e o trabalho do professor pesquisador

2.7 - Considerações sobre a universidade nos Estados Unidos e a nova economia

 

III - Mundialização financeira do capital, estado neoliberal e as mudanças nas universidades em âmbito mundial (World Class University)

3.1 – Mundialização da Economia – a predominância do capital financeiro

3.2 – As corporações mundializadas

3.3 - O Regime de Predominância Financeira no Brasil

A predominância financeira no Brasil - a necessidade estrutural das reformas institucionais

3.4 - Reforma do Estado no Brasil

3.5 - A ruptura aparente de Lula em relação a FHC – programas focais para a área social

3.6 - Novo ordenamento jurídico possível em razão da reforma do Estado para a indução à The New Brazilian University

3.7 - Planos Nacionais de Pós-Graduação e a legislação: as relações entre a pesquisa e a produção da The New Brazilian University?

A densidade histórica se põe no presente

3.8 - O V PNPG (2011-2020): avaliação intensificada, empreendedorismo e internacionalização da pós-graduação.

 

IV - O novo papel da universidade estatal brasileira

4.1 – O Brasil produz a The New Brazilian University?

4.2 - Duplo movimento na educação superior brasileira

4.3 - O Brasil como cenário específico dessas mudanças

4.4 - A produção do conhecimento alienado e formação na graduação

4.5 - A indução da pesquisa

 

Conclusão

 

Referências

 

Sobre o autor

NAVEGANDO PUBLICAÇÕES 

Uma Editora vinculada ao Grupo de Estudos e Pesquisas "História, Sociedade e Educação no Brasil" - Histedbr - voltada à publicação de e-books para distribuição gratuita e livros impressos sobre temas científicos.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon
  • Instagram Social Icon