NAVEGANDO PUBLICAÇÕES 

Uma Editora vinculada ao Grupo de Estudos e Pesquisas "História, Sociedade e Educação no Brasil" - Histedbr - voltada à publicação de e-books para distribuição gratuita e livros impressos sobre temas científicos.

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon
  • Instagram Social Icon

Coleções

Movimentos sociais e crises contemporâneas à luz dos clássicos do materialismo crítico

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os textos reunidos neste livro sistematizam as discussões promovidas no curso itinerante "Movimentos sociais e crises contemporâneas à luz dos clássicos do materialismo crítico", uma criativa experiência de educação política, oferecida regularmente a milhares de militantes da luta social pelo Brasil afora. Organizado pelo Instituto Brasileiro de Estudos Contemporâneos - IBEC - e pelo Grupo de Pesquisa, Organizações & Democracia - GPOD -, com o apoio institucional da Universidade Estadual Paulista - UNESP, o objetivo da reflexão proposta é qualificar o debate sobre o caráter e os desafios da revolução socialista no capitalismo contemporâneo e sua particularidade na trincheira brasileira.

O livro foi organizado em torno de duas premissas fundamentais: para resolver os problemas fundamentais das classes trabalhadoras, é preciso conhecer as possibilidades inscritas na realidade concreta; e, para transformar as possibilidades latentes no movimento histórico em força viva dotada de vontade política, é necessário conhecer a arte da luta de classes. São tais questões que justificam a preocupação com o resgate da rica tradição do comunismo crítico de Marx e dos clássicos da revolução brasileira. Sem o conhecimento das contradições inerentes à totalidade histórica, não é possível ultrapassar a práxis reiterativa. Sem a constituição da classe trabalhadora como sujeito histórico consciente de seu papel civilizatório, não há como evitar o avanço da barbárie capitalista. Sem considerar a especificidade histórica de nossa formação social no sistema capitalista mundial, é impossível evitar a tentação de substituir o conhecimento da realidade por fórmulas esquemáticas que não dialogam com as necessidades concretas do povo.

No momento em que a burguesia declara guerra aberta aos trabalhadores, ameaçando todos os direitos trabalhistas e sociais conquistados no último século, e que o fiasco da política de conciliação de classes deixa os trabalhadores sem norte e desalentados, particularmente vulneráveis à manipulação ideológica, o debate sobre o que contrapor à barbárie capitalista coloca na ordem do dia a necessidade de uma definição objetiva sobre o programa, o método, a organização e os valores que devem orientar a luta da classe trabalhadora.

Ao recuperar a perspectiva da crítica radical baseada no potencial do trabalho como antípoda do capital, a reflexão contida neste livro é um refrescante alento de que a necessária renovação da teoria e da prática da revolução brasileira avança lenta mas firmemente entre as novas gerações de militantes comprometidos com a luta pela emancipação humana.

 

 Plínio de Arruda Sampaio Jr.                            

Professor do Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas - IE/UNICAMP.

Prefácio

Lucien Sève

 

Apresentação do Livro: o retorno a Marx

Paulo Alves de Lima Filho, Henrique Tahan Novaes

e Rogério Fernandes Macedo

 

Parte I – Marx e o materialismo crítico

 

1. Nossa dura caminhada pela história

Paulo Alves de Lima Filho

 

2. Sobre a atualidade de Marx

Anderson Deo

 

3. Capital e Violência: uma introdução

ao pensamento de Rosa Luxemburgo

Eduardo Barros Mariutti

 

4. Classe e Partido em Gramsci (1913-1926)

Marcos Del Roio

 

5. Democracia e revolução: três

momentos históricos da luta

dos trabalhadores pela igualdade

Candido G. Vieitez

 

6. Os conselhos operários e os limites

do cooperativismo – a contribuição de

István Mészáros

Henrique Tahan Novaes

 

7. José Carlos Mariátegui e a questão

das raças na América Latina

Leandro Galastri

 

Parte II – Crises contemporâneas à luz

dos clássicos do materialismo crítico

 

8. Reflexões sobre globalização e crise

estrutural do capital: história econômica

e crítica social

Adilson Marques Gennari

Ivan Lucon Jacob

 

9. Subjetividade e Revolução: para a crítica

radical da contemporaneidade

do capital absoluto

Marcelo Micke Doti

 

10. Imperialismo e herança mercantil

na industrialização brasileira

Fábio Antonio de Campos

 

11. A ponte para o abismo da miséria

brasileira: notas sobre o golpe de 2016

Rogério Macedo

 

12. Um desfecho melancólico: notas

sobre o momento histórico e os

desafios da esquerda

Plínio de Arruda Sampaio Jr.

13. Movimentos sociais regressivos e

partidos políticos chauvinistas no Brasil

Jefferson Rodrigues Barbosa

 

Sobre os autores